McDonalds e DM9 chama o público para conhecer “A melhor cozinha do mundo” com influenciador que é ex-funcionário da rede

Aproveitar a imagem de um influencer como estratégia de comunicação já é bom, imagina se esse influencer tem uma real ligação com a marca, contextualizar fica muito mais fácil. O McDonalds que não é bobo nem nada, junto com a DM9, criaram a campanha protagonizada por Phellyx, um influenciador super extrovertido, que curiosamente é ex-funcionário da rede de fast food e já gravou vários (e divertidíssimos) vídeos falando das experiências do antigo trabalho.

O objetivo é chamar o público a conhecer os processos e procedimentos que garantem a qualidade no preparo dos alimentos, em 2016, mais de 1,2 milhão de cliente visitaram as lojas e puderam ver tudo o que acontece.

“O Phellyx, além de ser supersimpático, divertido e espontâneo, tem propriedade para falar do assunto porque foi funcionário do McDonald’s antes de se tornar influenciador”, afirma Filipe Botton, Diretor de Planejamento da DM9.

Há apenas duas horas no ar, o filme publicado pela fanpage da marca no Facebook já conta com quase 5 mil interações.  “Estar com as portas de nossas cozinhas abertas é um compromisso do McDonald’s. Desta forma, mantemos a transparência e a proximidade com nossos clientes, mostrando tudo o que querem saber sobre a marca de comida mais icônica do mundo. Por isso, alcançar a marca de 1 milhão de visitas no Brasil em apenas seis meses do ano é motivo de reconhecimento e comemoração”, celebra Paulo Camargo, presidente da Divisão Brasil da Arcos Dorados, empresa que opera os restaurantes McDonald´s em 20 países da América Latina.

Anúncios

McDonald’s rompe patrocínio esportivo de 41 anos com COI

O Comitê Olímpico Internacional (COI) confirmou nesta sexta-feira (16), o rompimento do acordo de patrocínio com a mais famosa rede de fast-food do mundo. Com isso, acaba uma das parcerias mais longas do esporte global, já que o McDonald´s aliava a sua marca ao evento esportivo desde 1976. Segundo a nota do COI, “os termos financeiros da ruptura foram estipulados por ambas as partes e os detalhes são confidenciais”.

De acordo com informações do portal Exame, a brasileira Silvia Lagnado disse que a decisão foi tomada “como parte de um plano global” e após “reconsiderar todos os aspectos”. O COI ainda conta com 12 principais patrocinadores, que são Coca Cola, Atos, Dow, General Electric, P&G, Samsung e Visa, com acordos assinados até 2020, Bridgestone, Panasonic e Toyota até 2024, Alibaba até 2028 e Omega até 2032.