Lu, personagem do Magazine Luiza ganha mais de 150 mil matches no Tinder

A ação para promover a marca Magazine Luiza resultou em mais de 150 mil matches na personagem Lu, no Tinder. Em parceria com a DAVID, a estratégia ficou por conta da Spark, uma empresa de mídia especializada na ativação de marcas através das redes sociais de celebridades e influenciadores.

Em suas fotos no perfil do aplicativo, a personagem aparece sorridente e descontraída. Em uma das imagens até brinca com um bigode. Em sua descrição, o texto é: Ah, já sei o que você está pensando: ‘será que ela topa, mesmo? ’Dá um like para descobrir”.

“Ao criar o perfil da Lu no Tinder para esta ação, mostramos que a marca não distingue entre gênero, cor, orientação sexual, para se relacionar com as pessoas. Por isso, a personagem dava ‘matches’ independente do gênero, ela abraça todas as orientações sexuais. A personagem já tem um histórico de discurso pró-diversidade”, afirma Ilca Sierra, diretora de marketing do Magazine Luiza.

A ação do Magazine Luiza também contou com a Match.com, empresa dona da marca Tinder.

Os porquês dos logos famosos de Hollywood

Algumas pessoas têm a mania de gravar as aberturas de filmes e desenhos, mas já parou pra pensar nas logos que aparecem? Sabe de onde surgiram? Separamos alguns logos famosos de Hollywood e seus porquês, dê uma olhada!

DreamWorks Pictures


O logo da DreamWorks tinha como objetivo principal mostrar um homem sentado na lua pescando. O artista responsável por desenhá-lo, Robert Hunt, decidiu fazer uma pequena modificação e ilustrar um menino ao invés de um homem e esta versão adaptada dele foi a escolhida. A parte que poucos sabem é que Robert usou como inspiração o seu filho (na imagem acima) para criar as características do tão conhecido menino na lua.

Columbia Pictures

A mulher segurando uma tocha se tornou o logo da Columbia Pictures em 1924. O fato interessante é que a imagem final não foi baseada em uma única modelo e sim na combinação de diferentes outras. Em sua versão mais recente, de 1992, teve como modelo principal uma simples dona de casa, Jennie Joseph, que teve os detalhes do seu rosto significativamente alterados na imagem final.

 

Metro-Goldwyn-Mayer

A ideia para o logo da MGM veio de Howard Dietz em 1924. Sua alma mater, Columbia University, tinha um time de esportes chamado “The Lions” (Os leões). Desde então, a MGM teve 5 leões diferentes em seu logo: Slats, Jackie, Tanner, George e Leo.

 

Paramount Pictures

Para o logo da Paramount, o artista William Hodkinson desenhou uma montanha muito similar com a Ben Lomond localizada em Utah, onde ele cresceu. Na versão original, criada em 1914, existem 24 estrelas: o número de atores que assinaram um contrato com o estúdio, no entanto a nova versão possui apenas 22 estrelas e ninguém sabe o motivo.

Warner Bros

Esse logo aparenta ser bem direto: um escudo com a inicial dos fundadores, os irmãos Warner. Porém, o que poucos sabem é que existe um significado”subliminar” por trás disso, uma vez que esse não era o sobrenome real deles. Os familiares dos donos dos estúdios na realidade eram imigrantes do império Russo e o sobrenome real deles era na verdade Wonskolaser.

Walt Disney

O logo do estúdio de animação mais famoso do mundo sempre foi visto como um castelo de algum conto de fadas. Entretanto originalmente a inspiração para ele foi o castelo Neuschwanstein, na Alemanha. Como todos já acreditavam que na verdade se tratava de um castelo de conto de fadas em 2006 ele foi substituído pelo castelo da Cinderela que foi construído na Disneyland em Paris.

Pixar

O logo da Pixar surgiu como resultado do primeiro filme de sucesso produzido pelo estúdio. O público logo amou o “Luxo Jr” um curta sobre uma luminária que foi criado em 1986 e que acabou substituindo a letra “i” no logo do estúdio.

Castle Rock Entertainment

Esse estúdio de cinema foi assumido há muitos anos pela Warner Bros, mas originalmente, nas décadas de 80, Castle Rock Entertainment realizou algumas adaptações dos livros de Stephen King. A companhia escolheu este nome devido a uma cidade fictícia chamada Castle Rock e que muitas vezes era cenário das grandes tramas nas estórias do autor Stephen. Seu logo tem como base um farol de um dos filmes adaptados de um livro de 1993.

Comercial polêmico da Apple mostra como seria o mundo sem aplicativos.

Na última segunda (05), iniciou-se a WWDC (Worldwide Developers Conference), a Conferência Mundial de Desenvolvedores promovida pela Apple.

A WWDC é famosa por ser o evento onde a empresa anuncia as principais mudanças e novidades que estão sendo desenvolvidas para seus produtos.

Para começar a Conferência com o pé direito, a Apple resolveu apresentar um vídeo bem-humorado, feito especialmente para os programadores:

As diversas situações cômicas envolvendo o sumiço dos aplicativos de mapeamento, redes sociais e messengers busca incentivar profissionais de programação a continuarem criando, como o próprio vídeo deixa claro: “Continue fazendo apps. O mundo está dependendo de você“.

Apesar de ser considerado um filme humorístico, usuários na internet comentaram que, talvez, o tom da brincadeiras fosse de mau gosto, dados os últimos acontecimentos envolvendo ataques terroristas no Reino Unido. Alguns até compararam o propósito do comercial mais recente da Pepsi, com Kendall Jenner, que gerou muita polêmica ao apresentar, aparentemente, o refrigerante como o instrumento que garantiria “a paz mundial”. Além disso, o comercial também abre espaço para uma reflexão sobre a nossa dependência quando o assunto é tecnologia, abordada de forma indireta para que passe quase despercebida.

Agência POP recria os ícones das ferramentas do Photoshop em 3D

Olha o trabalho que a agência POP fez, eles transformaram as ferramentas do Adobe Photoshop em obras de arte em 3D. Ficou muito legal! Confere aí.

“Elas”, criado para auxiliar mulheres em situação de risco

Pensado pela prefeitura de João Pessoa, Paraíba, através da Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres de João Pessoa (SEPPM), o aplicativo “Elas” foi criado para auxiliar as mulheres que se encontram em situações de risco. Disponível, no início, apenas para Android, ele é gratuito e depois de instalado, não necessita de acesso à internet. Isso porque o sistema tem um botão que envia SMS aos números registrados pela usuária, caso esteja em situação perigosa. Os números cadastrados recebem uma mensagem de texto informando a localização de quem enviou. Podem ser salvos até 5 números.

Conforme o prefeito Luciano Cartaxo ponderou: ”Combater a violência contra as mulheres é muito importante. Criamos um mecanismo simples e de fácil acesso e estamos ofertamos às mulheres a condição de terem um instrumento para fazer um alerta de qualquer problema que coloque em risco suas vidas. E o que é mais importante, ele está aberto nacionalmente, ou seja, qualquer mulher de qualquer parte do País que queira, poderá utilizá-lo. Ele é um instrumento muito importante para que as mulheres saiam desta situação de vítimas de violência, que criem coragem para denunciar e contar com o apoio das pessoas de sua confiança para isso”.

“É uma forma de mulheres que estejam em risco pedirem ajuda a parentes e amigos. O mais importante é que as pessoas que ela cadastrar na ferramenta sejam de confiança e tenham conhecimento da situação pela qual ela passa. Assim fica mais rápido prestar socorro e evitar que o pior ocorra”, afirma Adriana Urquiza, secretária de políticas públicas para mulheres da capital paraibana.

Como usar o aplicativo

No primeiro acesso ao aplicativo, as usuárias encontram uma tela de cadastro onde é necessário digitar seu nome, data de nascimento, informar o sexo e aceitar os termos de uso.

Em seguida, o sistema pede para que sejam cadastrados até três nomes e telefones de amigos de confiança, para quem as mensagens serão enviadas, mas com o cadastro de pelo menos uma pessoa, já é possível utilizar o botão de envio de pedido de ajuda no sistema.

Em um menu ao lado direito da tela, o aplicativo também contém um item que mostra os contatos do Centro de Referência da Mulher Ednalva Bezerra, serviço que disponibiliza atendimento especializado às mulheres em situação de violência doméstica e familiar. No item, é possível telefonar gratuitamente para o centro ou enviar um email.

Outra opção disponível no menu lateral do aplicativo é a lista de telefones úteis, como o da SEPPM, do Centro de Referência, do Instituto Cândida Vargas, do Centro de Cidadania LGBT e de números de urgência das polícias Militar e Civil, além de outros números. Também é possível telefonar para cada um destes locais apenas tocando no ícone de telefone ao lado de cada número.

 

Volkswagen traz a desconstrução para lançamento do novo Up!

Antigamente acreditava-se que para conhecer lugares era necessário gastar rios de dinheiro com hotéis e passagens aéreas, que viver de hobby era praticamente uma ilusão, e que lugar de mulher era em casa. A partir dessas certezas que se tornaram (graças a Deus) ultrapassadas é que a Volks pensou em algo para mudar e lançou a campanha integrada do novo Up!.
Criada pela AlmapBBDO, a campanha tem a intenção de fazer o público “desachar” antigas certezas e começou a trabalhar essa ideia na mente dos consumidores no início de Abril por meio do conceito #desache. Sem dizer o real objetivo da hastag, a empresa começou a divulgar em teasers para a TV e em digital para instigar o público e deixá-los curiosos, abordada em conteúdos direcionados de blogs e sites, e também por influenciadores de diferentes perfis. Chegou ao primeiro lugar no Trend Topics Brasil, no último dia 5, à frente de temas que estão acostumados com o topo, também foi listada entre as três mais comentadas no mundo.
O filme Desache tem um minuto e traz as novidades do novo Up! que faz um paralelo com as mudanças do mundo em si e mostra que é possível sim, um carro entregar todas as funcionalidades que o Up” tem. E conclui: “Chegou o novo Up! Um carro que vai fazer você desachar muita coisa. Novo Up! Feito de novas ideias”
Segundo o gerente executivo de Marketing Comunicação da Volkswagen do Brasil, Leandro Ramiro: “É uma experiência muito mais em sintonia com os valores e o comportamento do público contemporâneo, mais aberto a rever convenções e posicionamentos que vão desde as relações familiares a mobilidade urbana”, disse.
A próxima fase, a campanha conta com uma ajudinha extra de influenciadores, como Rafinha Bastos e os canais Me Poupe, Acidez Feminina e Desimpedidos, que agora vão testar o novo Up!, compartilham suas experiências com o modelo, e se passaram a achar ou desachar opiniões a seu respeito Além disso, os conteúdos customizados de sites e blogs, como o Sensacionalista e o BuzzFeed abordaram o tema #desache dentro de uma linha de variedades e curiosidades, agora também revelam o automóvel.
Em mídia digital, a campanha vai impulsionar o público ao site mediante à preferência de cada categoria. Como por exemplo, o público atraído por tecnologia, será impactado por publicidade customizada, sendo automaticamente direcionado ao site do novo Up! que estará ambientado de acordo com o perfil do consumidor, além de gerar dados de pesquisa de acordo com as preferências desse público .
A campanha é composta, ainda, por anúncios especiais em páginas triplas, mobiliário urbano, out of home, filme para cinema e material de ponto de venda.

Assista ao filme

Transforme seus rabiscos em desenhos com AutoDraw, a nova ferramenta do Google.

Se você gosta de desenhar, mas seus rabiscos não passam de casinhas e bonecos de palitos, seus problemas acabaram!
Como o Google está sempre inovando, desta vez não foi diferente, foi lançada a nova ferramenta criada pelo Google Creative Labs que corrige automaticamente e diretamente do navegador, os traços em desenhos, no mínimo apresentáveis.
Os desenhos podem ser criados pelo computador ou celular, incluindo até que a inteligência artificial aprenda com você e te ajude a melhorar no futuro. Após concluir sua ilustração, você pode fazer o download em formato de arquivo PNG. De graça.
O AutoDraw foi desenvolvido a partir do Quick Draw, outro aplicativo do Google que tenta adivinhar o significados dos seus rabiscos. Uma vez que você encontrar uma sugestão correspondente ao seu desenho, basta clicar nela que seu rabisco será substituído por um desenho bem mais profissional. Legal, não é? Dá até para colorir os desenhos, e personalizar do seu jeito.

Assista ao vídeo explicando como funciona a ferramenta.