Vídeo impossível de parar ou silenciar faz homens sentirem na pele que assédio não é elogio

assedio01

Ser mulher não é fácil, e se você que está lendo é uma, com certeza já passou por momentos bem desagradáveis ao longo de sua vida, seja na rua, no trabalho, escola, faculdade, parece que não estão livres disso. Para escaparem de certas situações, muitas evitam utilizar roupas justas ou passar próximo a grupos de homens, dentre outras “prevenções”. Vale lembra que assédio não é “elogio”, é crime, mas muitos homens não se conscientizam e ainda insistem,  e para mudar esse jogo a luta feminista está aí e com muita força.

Pensando nisso a F.Biz criou uma campanha convidando as pessoas a acessarem o site “Cale o Assédio”, e assim, demonstrarem apoio à luta pelos direitos da mulher, que é uma causa defendida também pelo Instituto Maria da Penha desde 2009.

A campanha conta com anúncios que foram veiculados em sites onde o público-alvo é o masculino, como ESPN e GQ. Ao tentar assistir um dos vídeos do site, o anúncio é exibido antes e os botões do player ficam bloqueados.

Para que os homens possam sentir na pele o que mulheres sentem, o filme começa com um ator aplicando a mesma linguagem usada pelos agressores ao assediarem as mulheres, mas ao tentar pular, pausar ou silenciar o vídeo, eles não consegue. No final da peça, aparece uma mensagem de alerta que diz:  “Esse vídeo não pula, não para, não avança e nem silencia. É como o assédio real que as mulheres sofrem todos os dias nas ruas. Sem poder escapar. Assédio não é elogio. É violência”.

Assista o vídeo da campanha

assedio5assedio 3

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s